Espírito Santo decreta estado de emergência por causa da estiagem
NOTÍCIAS
A seca que assola o Espírito Santo pelo terceiro ano consecutivo fez o governo do Estado decretar emergência. São 29 municípios capixabas que enfrentam situação delicada no abastecimento de água, especialmente nas regiões Norte e Noroeste.
Nove cidades já fazem racionamento. Em São Roque do Canaã, por exemplo, há localidades que ficam três dias sem água e um dia com abastecimento. Já em Santa Teresa, metade da cidade recebe água durante 12 horas por dia e a outra metade é abastecida nas 12 horas restantes. Há outros nove municípios onde o racionamento pode começar a qualquer momento.
Em 13 municípios é preciso recorrer a caminhões-pipas para abastecimento humano. Em outros, o governo tem cavado poços artesianos. Essas são as ações emergenciais que estão sendo tomadas pelo governo, mas que também precisam da colaboração da população. Para longo prazo, o Estado investe na implantação de 60 reservatórios até o ano de 2018.
“A única coisa que resolve a ação de curto prazo é redução de consumo por parte dos produtores e da sociedade e ação emergencial que o governo tem feito com caminhão-pipa e poço artesiano”, reforça o secretário de Estado da Agricultura, Octaciano Neto.
Ele destaca que esta é a maior crise hídrica da história do Estado e que ela vem se agravando a cada ano. “Para a agricultura já estava muito ruim. Perdemos mais de 20% da safra no ano passado. Esse ano perderemos mais de 50%. Agora, as cidades também começam a ter racionamento de água”.
As resoluções da Agência Estadual de Recursos Hídricos (Agerh), que desde o ano passado limitaram a captação para agricultura e indústria durante determinados períodos do dia, foram prorrogadas no início do mês por mais 90 dias.
Decreto
O decreto e o balanço sobre a atual situação da seca no Estado foram divulgados ontem, durante a posse do novo secretário estadual de Meio Ambiente, Aladim Cerqueira.
Com o decreto, o Estado passa a poder fazer contratações que estejam relacionadas à situação sem a necessidade de licitação. “Com o decreto, o estado ganha poder maior para agir em obras e em várias ações que temos para planejar”, diz o novo secretário.
O decreto também dá aos produtores rurais a possibilidade de renegociar ou ter suas dívidas de financiamento agrícola anistiadas.
 
Na Grande Vitória, ordem é economizar
 
Embora o quadro na Grande Vitória não seja tão grave quanto nos 29 municípios onde a situação é delicada, a população não pode vacilar. Deve economizar água para ajudar a evitar um racionamento na região.
No Rio Jucu, a vazão está um pouco acima do nível considerado crítico, já no Santa Maria da Vitória, está abaixo (confira no quadro nesta página).
“Nós temos a represa de Rio Bonito, no Rio Santa Maria que consegue segurar um pouco da água. Isso dá um pouco mais de tranquilidade, mas a situação também é muito grave. E o Rio Jucu também segue numa situação muito grave e baixa. É um esforço coletivo de toda a sociedade para que possamos reduzir o consumo. Os produtores não irrigam há muito tempo, mesmo os que estão liberados a situação está muito difícil para conseguir passar por esse período de seca e torcer muito para que a partir da volta da chuva a gente possa sair da situação crítica”, diz.
A expectativa, segundo o secretário, é que a situação melhore após o fim do fenômeno El Niño, previsto para o fim do primeiro semestre e com a chegada do período chuvoso pós-outubro.
“A Grande Vitória já sofreu racionamento no passado e pode vir a sofrer de novo, por isso a gente precisa da consciência da população capixaba da economia, de saber usar bem a água”, enfatiza o secretário de Meio Ambiente, Aladim Cerqueira.
No último balanço sobre a seca, havia uma previsão de que se não chovesse mais e a população não reduzisse o consumo haveria crise a partir de novembro. A situação não mudou muito. “O risco está próximo, mas o desabastecimento não é eminente”, disse Antônio de Oliveira Júnior, diretor de planejamento e gestão hídrica da Agência Estadual de Recursos Hídricos (Agerh).
Dicas
Banho
Se molhe, feche o chuveiro, se ensaboe e depois abra para enxaguar. Não fique com o chuveiro aberto. O consumo cairá de 180 para 48 litros.
Escovando os dentes
Escove os dentes e enxágue a boca com a água do copo. Economia de 3 litros de água.
Lavagem de louças
Lavar louças com a torneira aberta, o tempo todo, desperdiça até 105 litros. Ensaboe a louça com a torneira fechada e depois enxágue tudo de uma vez. Na máquina de lavar são gastos 40 litros. Utilize-a somente quando estiver cheia.
 
Rio seca e cidade fica até três dias sem água
Em São Roque do Canaã, para cada dia com água, a população fica três dias sem. Isso porque o Rio Santa Maria do Doce, que abastecia a cidade, secou. Também secou o Córrego Seco, que era uma outra alternativa.
A água do município está sendo buscada na Lagoa de São Dalmácio, que abastece quatro carros-pipa. Segundo o secretário de Agricultura, Octaciano Neto, ao contrário do que aconteceu em Alto Rio Novo, os poços perfurados pela Cesan em São Roque não deram água. No outro município, eles conseguiram garantir 100% do abastecimento da cidade.
Em Santa Teresa, a água chega das 6 às 18 horas para metade da cidade e das 18 às 6 horas para a outra metade. Nas demais cidades onde há o racionamento há períodos que variam de 8 a 14 horas sem água. Na localidade de Cidade Nova da Serra. O abastecimento é feito por carro-pipa.
Há ainda nove municípios onde o racionamento não começou, mas pode começar a qualquer momento, pois os mananciais que os abastecem estão com uma vazão muito baixa. Em Santa Leopoldina, no final do mês passado, o Rio da Prata chegou a apresentar vazão insuficiente para abastecer nos dias 22 e 23. Outros rios do Estado estão com a captação sendo realizada no chamado volume morto.
 
Fonte: Gazeta Online
Leia +
Comerciante assassinado com um tiro na nuca ao lado da mulher em Anchieta
Agente penitenciário se irrita com churrasco e atira em rua do ES
Morador colhe batata doce de quase 13kg em Jacaraípe, ES
Entenda o cálculo da nova aposentadoria
Feirão online para limpar o nome tem 10 negociações por segundo
Zelador é preso suspeito de estuprar duas crianças em Cariacica, ES
INSS deve pagar 4 mil aposentados do ES após erro, diz MPF
 
 
 
 
© Copyright 2015 - Todos os direitos reservados - Rádio Piúma FM