Polícia Mineira prende casal de Piúma com criança de 9 anos que teria sido sequestrada
NOTÍCIAS
Uma menina de 9 anos residente nas Areias, bairro Piuminas, em Piúma foi encontrada nesta segunda-feira, 13, em um Posto de Combustível na cidade de Sabará, em Minas Gerais com um casal vizinho, após uma denúncia anônima.
 
“Foi feita uma denúncia anônima diretamente a CIA da PM nós fomos verificar a situação, chegamos lá deparamos com um casal e uma criança, ao questionarmos sobre o parentesco, eles disseram que não eram nem pai e nem mãe, e eles não são casal, são duas pessoas que se encontraram e estavam de posse desta criança”, disse o PM a uma TV mineira.
 
O caso é complexo, segundo o Conselho Tutelar, a mãe da menina que havia viajado com o casal vizinho da avó, registrou um Boletim de Ocorrência – BO na Delegacia de Itapemirim, no último sábado 11, um pouco confuso, narrou a Polícia Civil que a filha havia ido a uma festa de aniversário no sábado, nas proximidades da casa da avó, posteriormente a criança teria saído da festa, ido à casa da avó, pego uma mala com roupas e iria para a casa da mãe, que reside no Porto, em Piúma.
 
A história é confusa, o casal, Jéssica e o homem que estava com ela mais conhecido como Beira Rio, teriam segundo a Polícia Mineira sequestrado a criança, mas a história não é bem essa, segundo o Conselho Tutelar de Piúma que acompanha o fato. Aos policiais do 282 Batalhão da PM de MG, Beira Rio teria contado que havia recebido como Uber para fazer a viagem com Jéssica e a menina.
 
Jéssica contou a PM que tem família em Sabará e que levou a criança para brincar com a filha dela. “Minha outra menina pediu pra mim deixar a amiguinha dela vir para passear aqui, que ela não conhecia BH, ela veio pra cá. Ela disse que tinha pedido a avó, ela pegou mentira para nós”.
 
Vizinhos da avó da criança, quem toma conta da menina desde que ela nasceu foram ouvidos pelo Conselho Tutelar, eles contaram que a menina brinca com a filha de Jéssica e já viajou outras vezes com a permissão da avó.
 
A avó da menina ainda não foi ouvida pelo Conselho Tutelar de Piúma, o casal permanece preso em Sabará acusado de ter sequestrado a criança no sábado. A criança está em um abrigo aguardando a autorização da Vara da Infância e Juventude para retornar a Piúma.
 
O Conselho Tutelar de Piúma está apurando o caso e estará emitindo um relatório ao Ministério Público – MP que tomará as medias cabíveis em relação a criança. Nada está definido ainda, se a menina volta para a casa da avó, ou da mãe que tem mais dois filhos. Virou caso de polícia.
 
O casal que estava com a menina não tinha autorização escrita para viajar com ela, mas a menina estava com documentos e disse que a avó havia permitido a viagem como já deixou outras vezes.
 
A criança foi levada ao hospital Odilon Berhens, em Sabará onde passou por exames de corpo e delito para averiguar se ela sofreu algum tipo de violência, nas nada ficou constatado. O Conselho Tutelar de Sabará acompanha o caso.
 
FONTE: ES NOTICIAS

 

Leia +
Zelador é preso suspeito de estuprar duas crianças em Cariacica, ES
Comerciante assassinado com um tiro na nuca ao lado da mulher em Anchieta
Agente penitenciário se irrita com churrasco e atira em rua do ES
Morador colhe batata doce de quase 13kg em Jacaraípe, ES
Empresário morto em Anchieta pode ter sido vítima de latrocínio, diz polícia
Vale tem vagas de estágio no ES com bolsa de até R$ 1.118
Prefeitura confirma dois casos de zika vírus em Vitória
 
 
 
 
© Copyright 2015 - Todos os direitos reservados - Rádio Piúma FM